Uso de aplicativos de táxi sobe em todo o Brasil

As empresas criadoras de ferramentas para smartphones, que realizam chamadas de táxi, registraram crescimentos de até 100% no último mês e, com esse aumento na demanda, as desenvolvedoras começaram a entrar no mercado corporativo; algumas já até oferecem e desenvolvem soluções para outras empresas no mercado.

app_taxi1

O recurso tecnológico está avançando rapidamente no mercado, em algumas regiões a situação chega a preocupar algumas cooperativas de táxis, já que as entidades se sentem ameaçadas e pedem a regulamentação dos aplicativos nos municípios. Algumas prefeituras já estão discutindo a melhor forma de lidar com o uso da ferramenta.

O táxi pode chegar em menos de 5 ou 10 minutos, dependendo da cooperativa e da região contatada, há casos em que os taxistas deixam de atender chamadas vindas da própria cooperativa, caso chegue alguma pelo aplicativo.

Alguns taxistas explicam que em menos de quatro meses, o faturamento mensal aumentou em até 25%, trabalhando em média, com três aplicativos por dia.

Há pelo menos 10 aplicativos existentes e ativos no Brasil, muitos operam apenas em regiões específicas, outros abrangem o país inteiro, os “apps” Easy Taxi e 99Taxis são os mais conhecidos atualmente.

apps-de-taxi-02

E a CTP chegou na cidade de Piracicaba para acompanhar essa tendência que está dominando o mercado! Vai de táxi? Ligue para a CTP, ou melhor, chame em nosso aplicativo, exclusivo para usuários ANDROID, basta acessar o Google Play e procurar por “Táxi Piracicaba” e instalar o app  🙂

Álcool ou gasolina?

combustivelAtualmente, os veículos flex são muito vantajosos, pois permitem que o consumidor possa escolher sempre pela opção mais barata, acompanhando os preços do mercado.

Geralmente, o etanol é bem mais barato, ele faz com que o motor do carro gere mais potência, porém ele consome mais. Já a gasolina, sofre com as oscilações da economia, ou seja, seu preço pode ser bem mais caro.

Para entender como funciona e para evitar prejuízos para  o seu bolso, veja como calcular qual a melhor opção no momento. Acompanhe:

Para começar, divida o valor do litro do álcool pelo da gasolina. Se o resultado for menor que 0,7, ainda vale a pena abastecer com álcool. Se for maior, opte pela gasolina. Se o litro do álcool custar R$ 1,50 e o da gasolina R$ 2,70, divida o primeiro pelo segundo.

O resultado será 0,55 (menor que 0,7), ou seja, vale a pena abastecer com álcool.

Fácil, não é mesmo?

Fuja da Lei Seca! Vá de táxi!

2006004201A lei 11.705/08 foi criada para classificar como falta gravíssima dirigir com qualquer teor alcoólico no sangue.

Quem for pego desrespeitando a lei, pagará uma multa de R$ 957,65 e ainda ganhará sete pontos na carteira, perderá o direito de dirigir por um ano e ainda terá a apreensão da carta de motorista e a retenção do veículo, até o momento que apresentar um condutor habilitado.

Após a criação da lei, nosso país passa a ficar lado a lado de países como Noruega e Suécia, que possuem as menores taxas de tolerância do mundo, sobre o consumo de álcool por motoristas e também com tolerância de dois decigramas por litro!

A nova lei também proíbe a venda de bebidas alcoólicas nas zonas rurais de rodovias municipais, estaduais e federais. Caso o comerciante desrespeite a legislação, poderá pagar uma multa de R$ 1,5mil e se continuar descumprindo a lei, poderá ter seu estabelecimento fechado por até 1 ano.

Para quem gosta de sair para beber com os amigos, a melhor opção é ir de táxi! Uma excelente alternativa de transporte que garante conforto, segurança e praticidade na hora de voltar para casa! Já pensou nisso?

Adote esta ideia, #vadetaxi.

Conheça a campanha Bibliotaxi!

Bibliotaxi_CatracaLivre1

A campanha Bibliotaxi foi desenvolvida pelo Instituto Mobilidade Verde com o objetivo de transformar os táxis em bibliotecas móveis! A ideia é que o passageiro pegue um livro para ler no táxi e que também possa levá-lo para casa, mas com o compromisso de devolvê-lo em outro veículo, quando usar o transporte novamente! 

Além disso, o passageiro também pode doar livros para a biblioteca móvel. No entanto, só serão aceitos literários, não podem ser didáticos ou técnicos e também devem estar em bom estado de conservação! 

O importante é incentivar a leitura e facilitar o dia a dia de quem passa horas no trânsito e que agora podem ficar acompanhados de um bom livro! Demais, não é mesmo?

E você, o que achou da ideia? Conte para nós! 

Saiba quais são os equipamentos de emergência que não podem faltar no carro

meuautomovelitensobrigatorios-3Segurança em primeiro lugar! Se você também pensa assim, saiba que alguns itens são essenciais e obrigatórios para seu veículo, e caso você não esteja com eles sempre a mão, você pode ser multado! O macaco ou a chave de roda não são obrigatórios, mas são muito úteis e não podem faltar no veículo, por isso eles devem estar em plenas condições de uso! 

Confira agora alguns itens essenciais:

Macaco

Quando o macaco é mal colocado ele pode causar acidentes, por isso preste muita atenção as instruções de uso que vem no manual do proprietário.

Chave de roda

Ela é o equipamento certo para soltar os parafusos da roda, mas escolha sempre a do tipo cruzeta, que permite o uso dos pés para ajudar na hora de trocar os pneus, por exemplo. 

Extintor

Em caso de incêndio, é preciso retirar o lacre de inviolabilidade, levantar a alavanca, apertar o gatilho e direcioná-lo para o fogo. 

Triângulo

Indica que o carro parado está com problemas e deve ser colocado a um distância de 50 metros do veículo. 

Estepe

É importante que este item esteja sempre calibrado e balanceado. Se ele estiver murcho na hora de usá-lo, opte por colocá-lo no parte traseira, instalando o pneu bem calibrado na frente. 

E você, está com todos estes itens em dia? 

 

Táxi do futuro!

112_1930-alt-taxieletricoO Nissan Leaf é o veículo do projeto que foi desenvolvido em parceria com a Petrobrás, para promover a viabilidade dos veículos elétricos no nosso país. Mas, para esta ideia vingar, ainda é preciso enfrentar toda a política de incentivos por parte do nosso governo. 

O taxista Breno de Souza de Oliveira, do Rio de Janeiro, foi um dos primeiros motoristas a experimentar o veículo e garantiu que ele é o carro certo para quem trabalha como taxista ou veículo particular. 

O carro possui um design futurista e possui a inscrição “Emissão Zero” nas laterais. O Nissan chega até 100km/h em cerca de 12 segundos e a duração média da bateria é de 140km – 180km. Para recarregá-lo, é necessário uma central de energia, semelhante a uma bomba de combustível. O veículo leva cerca de meia hora para ser totalmente carregado em caso de bateria vazia. Já em casa, ele pode ser carregado em tomada comum e gasta-se cerca de R$7,00 de energia para encher a bateria. 

Além de ser muito econômico e não poluir o meio ambiente, você não precisa gastar com manutenções, pois o veículo não precisa  trocar o óleo, filtros, radiador, nada disso! Além do mais, a bateria tem vida útil de 08 a 10 anos. Outro diferencial deste veículo é que ele possui o sistema Kers, que reaproveita a energia em desacelerações e frenagens para recarregar automaticamente a bateria e, uma placa solar na parte traseira do teto, utiliza a luz do dia para carregar a bateria dos sistemas periféricos, como travas elétricas, vidros, entre outros recursos.

E você, o que achou desta tecnologia?

Seja um taxista empreendedor!

grande-Taxista-Empreendedor-sebrae03052013O empreendedorismo está presente em qualquer profissão e no transporte de pessoas não seria diferente! Se você souber trabalhar as oportunidades, também pode progredir como taxista. 

O empreendedorismo é caracterizado como o desenvolvimento de competências e habilidade relacionadas a criação de um projeto.

Origina-se no termo empreender, que significa fazer, executar, realizar, apresentando habilidade e competências e gerando um resultado positivo. 

Mas como ser empreendedor? Conheça algumas características:

  • Capacidade de organização e planejamento;
  • Criatividade;
  • Habilidade para trabalhar em equipe;
  • Visão de futuro;
  • Facilidade de comunicação e expressão;
  • Persistência. 

Agora, veja como aplicar estas características na profissão de taxista: 

  • Faça do táxi um negócio rentável;
  • Faça seu marketing pessoal;
  • Atenda com qualidade;
  • Saiba trabalhar em equipe;
  • Aproveite o turismo da sua cidade;
  • Seja ético;
  • Crie estratégias para encantar o cliente.

Parece difícil, mas não é! O importante é trabalhar com dedicação e confiança! 

Taxímetro: como funciona?

taximetroO taxímetro é a maneira mais correta de avaliar o valor do percurso percorrido pelo veículo e também o tempo que ele ficou parado, por isso, táxis que não possuem o aparelho estão trabalhando de forma irregular. Fique atento! 

A cobrança da corrida começa no momento  em que o passageiro entra no veículo. A partir daí o taxímetro começa a funcionar, mostrando no visor o valor da tarifa inicial. Em seguida, um microprocessador do aparelho identifica quando  veículo está parado ou em movimento, assim ele adiciona um valor determinado à tarifa inicial. 

Por isso, quando o táxi está parado a corrida fica mais cara a cada minuto e a conta final é proporcional à distância rodada e ao tempo parado! 

A tarifa de Táxi de Piracicaba é controlada pela SEMUTRAN (Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito) da Prefeitura Municipal da cidade de Piracicaba através do decreto Nº 52.066 de 10 de julho de 2014.

Bandeira 1 – R$2,90
Km rodado R$ 2,54 (É usada das 06:00 até 18:00h  de segunda a sexta-feira)

Bandeira 2 – R$3,60
 A Bandeira “2” será utilizada de segunda a sexta-feira, a partir das 18:00h, aos sábados, a partir das 12:00 horas e, aos domingos e feriados, o dia todo. 

Tarifa Horária – R$24,00

Vá de táxi! Nossos telefones são: (19) 2532-9700 | (19) 3382-9230. Você também pode baixar nosso aplicativo Táxi Piracicaba! http://www.ctpiracicaba.com.br/

O que diz a lei?

imagesVocê sabia que só no ano de 2011 foi sancionada a Lei nº 12.468 que regulamenta a profissão de taxistas? Ela é a responsável pelos direitos e deveres desta profissão, com o objetivo de garantir maior estabilidade profissional e segurança aos funcionários. 

Para ser taxista, além da habilitação para dirigir, o profissional também deve fazer cursos de relações humanas, primeiros socorros, direção defensiva, mecânica e elétrica básica e também ter o certificado específico para exercer a profissão, que pode ser emitido pelo órgão competente da localidade da prestação do serviço. 

Esta lei é essencial para exercer a profissão, pois garante aos taxistas a inscrição como segurado do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), mesmo que o profissional seja autônomo, taxista auxiliar ou taxista locatário. A Lei também garante a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), para todos os taxistas empregados. 

O taxista deve atender aos clientes com educação, presteza e polidez, usar roupas adequadas para a função e manter o veículo sempre em excelentes condições de funcionamento e também de limpeza. Além disso, toda a documentação deve estar em dia. E em relação ao taxímetro, saiba que ele é obrigatório em municípios com mais de 50 mil habitantes e deve ser anualmente auferido pelo órgão metrológico competente! 

E você, o que mais gostaria de saber sobre a profissão? Conte para nós! 

Preciso mesmo usar cadeirinha no carro para as crianças?

cadeirinha-carro-bebe-viajar

Sim! Todo mundo já sabe que o uso da cadeirinha é obrigatória no Brasil e, quem desrespeitar a lei será punido com multa! De acordo com dados oficiais, no ano de 2007, acidentes de transporte mataram cerca de 570 crianças de 0 a 4 an0s aqui no Brasil. Assustador, não é mesmo? 

A maioria dos acidentes acontecem perto de casa, em locais onde a velocidade não passa de 60km/h. As cadeirinhas são projetadas para segurar as crianças nos pontos mais resistentes do organismo, evitando o mínimo de ferimentos internos. O corpo das crianças é muito frágil, por isso a cadeirinha é tão importante!

Além do mais, o uso do cinto de segurança comum, quando esta na posição inadequada ou muito largo, pode provocar lesões nos órgãos e levar a criança a morte.

A criança deve ser acostumada desde pequena a usar a cadeirinha no banco de trás, desta forma a ela não irá estranhar e vai entender que é assim que as coisas funcionam. 

Fique atento! Segurança sempre em primeiro lugar! 🙂